quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Aprendendo a Orar o Pai Nosso com Jesus

Lucas 11:1-2    
Na época de Jesus era costume os Rabinos (Mestres) ensinar aos seus discípulos as pratica espirituais e uma delas era a oração. E os discípulos de Jesus pediram que Ele também os ensinasse a orar. E Jesus atendeu seus pedidos fazendo a tão conhecida oração do pai Nosso.

MT 6:9-13
A oração do pai Nosso ela é um roteiro que nos ensina como orar. E ele é dividida em sete partes, e cada parte dela podemos orar intensamente.
 1. Paixão
Pai nosso, que estás nos céus...
Quando você disser Pai Nosso que está nos céus, você está louvando-O por ser seu Pai. Aliás, Jesus deixou os religiosos da época perplexos e de cabelo em pé com esta afirmação, pois, até então ninguém tinha chamado o Deus Todo- Poderoso de Pai.
2. Poder
Santificado seja o teu nome...
O que significa santificar o nome do Pai, então? Significa que como filhos podem honrar ou desonrar o Nosso Pai. E Jesus nos ensina a viver de modo consagrado e que através da nossa consagração eles glorificarão o Nome do Pai.
Mt 5:16 Assim também a luz de vocês deve brilhar para que os outros vejam as coisas boas que vocês fazem e louvem o Pai de vocês, que está no céu.
Significa sustentar a fé no meio das contrariedades da vida, quando tudo pretende negar a Deus, quando os ímpios se levantam para desacreditar a Deus.
Santificar é colaborar com Deus, é fazer notória a diferença entre o santo e o profano, entre o que é de Deus e o que não é. Portanto, santificar o nome do Pai é estabelecer, por meio da fé, no meu próprio coração, o que Deus é para mim.
3. Propósito
Venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu.
Ter Jesus com Salvador é muito bom, pois, ele nos salvou de muitas coisas. No entanto para que a vontade Dele seja feita aqui na terra como ela é feita no céu precisamos te-lo como Senhor.
No céu a vontade de Deus é feita prontamente, imediatamente e sem nenhum questionamento. E aqui na terra como é feita a vontade de Deus?
Aqui só existe um povo qualificado para fazer a sua vontade é o povo que tem confessado Jesus com Senhor.
Mas muitas vezes não queremos fazer a vontade de Deus, principalmente quando não entendemos ou quando não gostamos.
- Jesus cura, mas na Bíblia Ele não é exaltado com o médico dos médicos.
- Jesus nos dá o pão, mas na Bíblia Ele não é exaltado como o padeiro dos padeiros.
Ele é exaltado como Reis dos Reis e Senhor dos Senhores.
- Seguir a Jesus não é só para ver os milagres,
- Seguir Jesus não é só para receber benção.
- Seguir a Jesus é pisar onde Ele pisa, por onde ele deixou suas pegadas você pisa no mesmo lugar.
- Seguir s Jesus não é fazer aquilo que penso ou que acho, mas seguir o que Ele pensa e o que ele acha.
- Seguir a Jesus não é o que acho certo ou errado, e sim perguntar para Ele: “o que o Senhor quer que eu faça”.
Por isso nesta frase da oração de Jesus ele esta nos ensinando a dizer assim em nossa oração:
- Faça a sua vontade na minha vida.
- Faça a sua vontade nas minhas finanças.
- Faça a sua vontade na minha família.
- Faça a sua vontade na minha célula.
- Faça a sua vontade na igreja.
- Faça a sua vontade nesta nação.
“Tem muitas orações, mas tem algumas que não passam do teto de bronze, têm outras que até chegam ao céu, todavia tem algumas que tem o coração de Deus e eu posso te garantir essa é uma delas”.
Você é capaz de orar assim?
4. Provisão
O pão nosso de cada dia dá-nos hoje.
A maioria dos interpretes da Bíblia Sagrada interpretam “O Pão Nosso de cada dia” não apenas o pão, pão que é feito de farinha. Jesus está falando do Pão como um símbolo de realidade muito maior e mais abrangente. Ele se refere ao Pão como todo suprimento de todas as necessidades humanas.
- A súplica pelo Pão é a suplica pelo trabalho
- A súplica pelo Pão é a suplica pelo afeto
- A súplica pelo Pão benção de Deus para que possamos enfrentar a vida e seus desafios
- A suplica pelo Pão é a suplica pela saúde e sobreviver de uma maneira saudável.
Jesus quando fala do pão Ele está falando de nossas necessidades físicas, emocionais e Ele está falando também da nossa fome da alma, da nossa dimensão espiritual, ou seja, Jesus está falando de uma fome mais profunda, mais essencial.
Poderíamos chamar de fome espiritual, fome pele presença da glória de Deus. Ele está falando para comermos do Pão da Vida.
Você tem fome pelo pão da vida?
5. Perdão
E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos nossos devedores.
Ilus. Jesus me perguntando o que eu acho desta oração
“Diria tira a segunda parte”
Nesta parte da oração do Pai Nosso Jesus entra num ponto muito importante das relações humanas, ou seja, ofensor e ofendido.
O ofensor sendo sabedor (porque ele pode nem saber que te magoou) que machucou alguém e não busca o perdão a sua oração não é ouvida. O ofendido se não perdoa a sua oração também não obterá resposta.
Quando estou falando de ofensor estou falando de coisas sérias e importantes que causam profundas feridas (e não uma brincadeirinha tipo você está muito gordo).

“O único impedimento na oração ensinada por Jesus é a falta de perdão.”
Tem gente que está orando há muito tempo, mas a sua oração não chegou a Deus não passou do céu de bronze. Porque Deus não ouve oração enquanto não há perdão. Não existe exceção.

Alguém poderá dizer eu fui ofendido por aquele sujeito, e tenho direito de ficar magoado. Segundo Jesus ninguém tem esse direito. Se você não perdoar Deus não ouve a sua oração.

Por que a mágoa impede de sua oração chegar diante de Deus?
Por que Deus vai cumprir a sua Palavra e uma conseqüência natural é que Ele também não te perdoa. E se Deus não perdoa você está em pecado e Deus não vai ouvir a sua oração.

Alguns podem dizer já que é assim então não vou nem orar? Essa é a escolha errada de quem quer continuar no pecado. Por isso a melhor coisa é perdoar! Quem perdoa aprendeu que o perdão é uma pessoa e seu nome é Jesus de Nazaré que tem ele no coração tem um espírito perdoador.
Cuidado com a Justiça Retributiva
Justiça retributiva ou justiça própria é quando queremos devolver as pessoas o que achamos que elas merecem.
Exemplo: Quando queremos que o vilão do filme seja despedaçado

Aqueles que entenderam o evangelho de Jesus compreendem que Deus não trabalha com a justiça retributiva. Aqueles que vivem retribuindo o que as pessoas merecem não falam com Deus, falam sozinhas. Na oração de Jesus está escrito que não existe comunhão sem perdão.
“Aqueles que vivem retribuindo o que as pessoas merecem não falam com Deus, falam sozinhas.”
O perdão é cíclico como eu fui perdoado por Deus, eu libero aqueles que me devem. E enquanto eu não libero aqueles que me devem eu sou oprimido pelo senso que tenho de pagar. Ma quando sou liberado do senso de pagar eu libero aqueles que me devem.
Toda vez que você vive cobrando é porque você tem na sua cabeça um senso de justiça retributiva instalada. Esta é a frase dos Justiceiros:
- Mas vai ficar por isso mesmo e vocês não vão fazer nada?
No evangelho de Jesus é assim: A gente recebe perdão e perdoa. A gente perdoa e recebe perdão.

Os tostines vende mais porque é fresquinho ou é fresquinho porque vende mais. Ë cíclico.

Esse é o evangelho de Jesus, Deus pega a minha divida e desconta da conta corrente de Jesus. E pega o saldo de Jesus e deposita em minha conta, ou seja, não existe mérito humano nenhum.
“Por isso o verdadeiro perdão é para as dividas impagáveis.”

O Perdoa as nossa dividas assim como perdoamos os nossos devedores, é dizer em outras palavras assim: Trata-nos no céu assim como nós tratamos as pessoas aqui na terra.”

Temos apenas dois caminhos co relação ao perdão:
Perdoa a pessoas porque Deus me perdoou. Ou perdôo as pessoas eu vou até Deus e recebo dele o perdão.
Muitas pessoas vivem com um grande sentimento de culpa porque não perdoam. E porque não perdoam porque vivem com culpa em sua consciência.

Por que as pessoas continuam culpadas? Por que eles não entenderam o que significa confissão!
1Jo 1:9 Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.
A confissão é a maneira de desligar a culpa. Concordar = homologar. Confirmo com Deus que menti que briguei que tive um pensamento impuro.etc.

Regras Espirituais do Perdão
1º Perdoe quantas vezes for necessário.
2º Não espere o ofensor se arrepender para perdoá-lo
3º Não espere pelo outro para tomar a iniciativa.
4º Perdoar sempre, mas restaurar a comunhão somente se tiver mudança de    vida. (a ilustração do irmão que emprestou o dinheiro e não paga)
5º Perdão não é apenas um sentimento, mas uma atitude.
6º Abençoe com palavras o ofensor.
7- Esqueça a Justiça Retributiva

6. Proteção
E não nos deixes cair em tentação;
Como gente somos tentados o tempo todo, e ninguém que se Deus humano está isento de tentação. Como pastores e líderes somos tentados todos os dias e essa deve ser a nossa oração: Deus me livre da tentação!
- Livra-me da tentação de querer bater no meu irmão.
- A tentação de querer dormir com a minha namorada.
- A tentação de roubar a empresa que trabalho.
-A tentação de roubar o governo não pagando todos os impostos.
- A tentação de não te roubar sonegando os dízimos e as ofertas. Livra-me de todas as tentações.
Mas livra-nos do mal...
- Livra-nos dos nossos cativeiros espirituais
Livra-nos das coisas que baixaram nossa auto-estima. Livra-nos das fortalezas da alma. Livra-nos de ter uma imagem ruim de nós mesmos. Livra-nos dos limites que nós mesmos nos colocamos.
- Livra-nos dos poderes malignos
Livra-nos dos poderes malignos e de seus sofismas e enganos. Livra-nos das setas do inferno em nossa mente. Livra-nos das doenças e da dor
- Livra- nos dos homens maus
Livra-nos dos homens maus, violentos e sanguinários que tramam contra os retos de coração. Livra-nos das balas perdidas e da violência das ruas. Livra-nos dos alcoolizados que provocam acidentes no transito.
- Livra-nos da nossa própria maldade
Livra-nos de nossa natureza maligna e das manifestações da nossa carne. Livra-nos do nosso próprio ego e de suas manifestações egoístas.
7. Preço
Pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém!
Depois da queda de Lucifer todos agora querem o reino, o poder e a glória. O homem se tornou o ego absoluto é agora como o diabo quer o Reino, o poder e a glória.
- Reino é poder é querer ser visto é querer se exibir, é querer aparecer.
- Poder aponta para posição que ocupamos.
- Glória é o desejo de ser admirado, elogiado, é querer estar acima. Assim Jesus termina a oração com adoração, porque a adoração mata o nosso ego. Quando cantamos estamos dizendo eu não sou Deus (porque lá no fundo a grande tentação é querer ser igual a Deus) Ele é Deus o Único merecedor de toda Honra e glória.
Quantos aqui agora podem fazer a oração do Pai Nosso?
Vamos fazer agora a oração do Pai Nosso?

Nenhum comentário:

Postar um comentário